quarta-feira, 25 de abril de 2012

INSEGURANÇA E RELACIONAMENTOS

fonte: google
Sentir-se inseguro em algum setor da sua vida é normal, diante de coisas novas mais ainda, podemos levar a insegurança na verdade como medo, medo do desconhecido, mas, deixar que ela atrapalhe as suas decisões ou sentimentos fica complicado demais.

É possível encontrarmos um equilíbrio para os sentimentos?
A resposta você sabe, sim, mas controlar pensamentos e sentimentos que surgem sem pedir licença também não é tão fácil assim.

Os sentimentos envolvem muito as relações, principalmente as amorosas.
É nestas relações que muitas mulheres perdem anos de suas vidas por viverem sentindo-se inseguras, com aquela sensação de que pode perder o seu amor a qualquer momento. Com isso acabam não desfrutando o que a de melhor na relação a dois, vivem de cobranças, discussões e cara emburrada. E só perde um grande tempo.

Nesse momento então você deve tentar relaxar, se distrair, refletir de onde vem essas sensações, porque você se sente desta forma, essa pessoa fez algo a você, ou isso vem de acontecimentos passados.

Já presenciei e já vivi muitos acontecimentos decorridos da insegurança e ele só acaba destruindo tudo a sua volta, tanto você mesma, quanto a relação com a pessoa amada.

Um bom exemplo de insegurança, é o ciume, o ciume doentio, que faz a pessoa se auto magoar, procurar onde não há nada, fazer tempestades em copo d´agua, se tornar chata, mal-humorada, briguenta. Se o casal souber se respeitar, a relação tem um grande futuro.
Saiba que não existe ameaça para a sua felicidade, ao menos que você deixe essa bomba se instalar em sua cabeça prestes a explodir, e passe a regar mais o ciume, do que o amor no seu coração, porque ele sim, merece carinho e atenção.

Sugiro que você comece a prestar atenção nas suas atitudes, depois de algum tempo, quando o sentimento de insegurança surgir você vai começar a perceber, e ao longo dos dias vai aprender a controla-lo e até esquece-lo bem longe de você.

 



Um entardecer bem lindo gatas, abraços.



 

P.S.: Queria ver o entardecer juntinho de você.

Um comentário:

  1. Olá Mislene!
    Insegurança faz parte de nós! Mas não podemos deixar interferir em nossas vidas diretamente. Temos que contarpor, assim como todo sentimento em excesso!
    Um grande beijo, Laine

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, espero te ver novamente por aqui! Assim que der, retribuirei com muito carinho ♥
Se você me seguir, deixe seu blog para que eu posso seguir novamente.
Beijos, beijos